Buscar
  • Marcos Silva

Conheça 5 características de um bom Sistema de Gestão


Escolher um sistema de gestão para a sua empresa não é tarefa fácil. Entre milhares de empresas e milhares de preços, qual é o ideal para você? Pensando nisso, elegemos 5 características que um bom sistema de gestão tem.



1-Completo.

2-Didático.

3-Atualizado.

4-Suporte especializado.

5-Geração de valor.


1-Completo (Tudo em um só lugar).


A primeira coisa que você precisa ter em mente quando for procurar um Sistema Integrado de Gestão Empresarial- ERP (Enterprise Resource Planningou), é que ele tem que atender por completo o seu segmento. Isso quer dizer que com ele você tem que controlar funções básicas com cadastros, finanças, faturamento, relatórios até a emissão fiscal além dos processos específicos do seu ramo de atuação como, por exemplo:


Se você é uma distribuidora, o seu sistema tem que ter toda a parte de roteirização, localização, metas e logística. Se você é uma fabrica, o Software de gestão tem que te auxiliar no processo produtivo lhe dando indicativos para uma melhor tomada de decisão e assim sucessivamente.


Usar apenas um sistemaé essencial para a boa gerência da informação dentro da empresa. Usando dois ou mais Softwares de gestão você terá trabalho dobrado, aumentando assim a incidência de erros.


2-Didático.


É comum vermos na internet vídeo aulas de gente se gabando por saber utilizar sistemascomplexos, como se isso fosse algo bom. Temos a tendência de trazer para as inovações que usamos hábitos antigos e nocivos. Um deles é a burocratização dos processos sobre a desculpa de que é seguro e profissional.


Um sistema bom de verdade tem que ser didático, fácil de usar e com processos coesos e objetivos.


Se para usar um determinado ERP você tem que passar por meses de treinamento, mesmo sendo uma pequena empresa ter a necessidade de contratar um profissional de TI para dar suporte ou não usa todos os recursos porque são confusos demais e por isso prefere usar uma planilha no Excel ou o próprio papel, esse software não é para você.


A finalidade de ter um sistema de gestão é a otimização dos processos, logo, não é coerente ter um que obrigue você a continuar usando métodos retrógrados.


3-Atualizado.


Não tem como falar de sistema e não falar de tecnologia. Por mais que seja um pouco mais técnico esse tema, ela tem que ser levada em consideração na compra de um software de gestão. Saber se ele tem constantes atualizações, se trabalha em cima de um bom banco de dados e se tem uma interface amigável. São pontos que precisarão passar por uma análise, mesmo que seja superficial. E para quê tudo isso?


Já pensou, você ter um sistema desatualizado, com problemas para armazenar as informações? Por mais absurdo que isso posso parecer. Ainda podemos encontrar muitas empresas usando sistema que não é atualizado á vários anos, sendo insustentável a otimização dos processos dentro da organização.


4-Suporte especializado.


Quando você compra um sistema de gestão, você compra o serviço de suporte também. Por isso, colocamos nessa lista a essa questão por ser tão necessário no dia a dia.

Um suporte que sabe do seu negócio é um diferencial gigantesco. Esse fato mostra que quem criou o sistema conhece sobre o seu segmento e sabe das especificidades do mesmo, além de estar apto para lhe oferecer um serviço de qualidade.


Já vimos inúmeros problemas serem resolvidos muito mais por conhecer os processos da empresa e saber como funciona o seu segmento, do que propriamente por sabe de software. Isso no dia a dia para muitos profissionais faz total diferença.

Lembre-se, ninguém quer problemas, mas é inevitável que em algum momento eles aconteçam, com tudo, o que é melhor? Ligar para o suporte do seu sistema e falar com quem sabe do sistema ou falar com quem, além de saber de sistema, sabe do seu negócio?


5-Geração de valor.


Existe sempre uma divergência entre preço e valor. Muitos empresários preferem optar por preço em vez de valor e pagam caro com a falta de controle e prejuízos ocasionados por ERPs que não são para o seu ramo.

Por se tratar de uma compra estratégica, você não pode ir pelo preço e sim pelo valor total que a empresa irá te entregar. Posso ser categórico em dizer que não, os ERPs mais caros do mercado não são necessariamente os melhores para você e nem tão pouco os mais baratos.

O fato é que você tem que avaliar quais são as necessidades da sua empresa em sistema de gestão e mediante isso, avaliar o que as empresas de software podem oferecer para suprir a sua demanda e assim tomar uma decisão boa para o seu empreendimento. Ter um sistema bom é ferramenta indispensável para quem quer crescer e quer garantir a saúde financeira de sua empresa.


Nós, da Nortsys temos observado a crescente demanda e necessidade desse mercado. Por isso, criamos soluções que de fato agregue valor para a sua empresa. O nosso sistema QuickTrade é completo e didático, temos uma equipe qualificada que ama ser prestativa com os nossos clientes e a consciência que somos parte ativa do crescimento das organizações que confiaram à nós a prestação desse serviço.


Comente aí em baixo o que, na sua opinião, não pode faltar em um Sistema de Gestão.

© Nortsys Sistemas, todos os direitos reservados.